top of page
  • Foto do escritorShayene Cardoso

Vida de Bigger: Shayene Cardoso

No artigo desta semana, Shayene Cardoso, Analista Comercial, compartilha sua caminhada dentro e fora do mercado de trabalho. Neste mês das mulheres, conheça e inspire-se na história de uma mulher forte e decidida, que passou por grandes obstáculos e desafios - por ser mulher e LGBTQIAPN+ -, nunca baixou a cabeça e nem deixou de correr atrás de seus sonhos e realizá-los. Boa leitura!



--------------------------------



Oi, oi pessoal!


É um prazer estar aqui com vocês, sou Shayene Cardoso, mas podem me chamar de Shay 😀. Sou natural do Rio de Janeiro, mais precisamente Nilópolis (Alô Nilópolis), mas me considero uma exploradora do mundo. Atualmente, estou morando na Flórida, nos Estados Unidos, e faço parte da equipe Comercial aqui na BDC.


Com formação em Comunicação Social, especializada em Publicidade e Propaganda, sempre fui uma entusiasta das boas conversas e da comunicação impactante. Durante a faculdade, dei meus pulos na TV universitária da Veiga de Almeida, a famosa TV UVA. Foi lá que descobri o poder da comunicação e acabei migrando para a área que era responsável pela educação a distância, onde eu cuidava do ambiente online e dava aquela força para os estudantes.


Mas a verdade é: minha veia comercial não passou despercebida rsrs. Recebi uma proposta da minha diretora para assumir o cargo de supervisora acadêmica. Porém, nesse meio tempo, um sonho fervia em mim: fazer um intercâmbio para a Austrália. Então, assumi o cargo de supervisora, mas deixei claro que era só por um tempinho. E foi mesmo! 😀


Após um ano e meio nessa função, encerrei esse capítulo com chave de ouro e me joguei na aventura que eu sonhava viver. Embarquei para a Austrália em 2015, mesmo com alguns comentários tentando me desmotivar, tais como “vai sozinha?” “mulher brasileira em outro país, você sabe como é? ”vai e aproveita para achar um marido gringo”, entre outros que, infelizmente, ainda ouvimos. Mas é óbvio, deixei essas falas de lado e foquei nos meus estudos e no que eu queria fazer, onde eu queria ir, foquei em mim. Deu certo, o intercâmbio foi uma experiência sensacional. Além de aprender um novo idioma, estabeleci uma conexão incrível com minha agência de intercâmbio. Tanto que, ao retornar, fui convidada para fazer parte do time comercial deles. Foi uma experiência e tanto, cheia de aprendizados e oportunidades únicas!


Mas a vida é uma constante reviravolta, não é mesmo? Em 2019, surgiu um convite irrecusável: assumir um cargo em uma renomada administradora de shoppings, na área de marketing, aliada ao comercial. Nesse mesmo período, eu estava explorando mais sobre minha identidade e descobrindo nuances da minha bissexualidade.


Assumi o desafio, mas me deparei com uma cultura corporativa arcaica e machista. Fui confrontada com diversas perguntas desnecessárias e infelizes, uma das que mais me deixou incomodada foi sobre maternidade - pessoas me aconselhando a adiar uma possível gravidez, caso eu tivesse planos para isso na época, pois já havia uma mãe recente na equipe (gente, cá entre nós, que tipo de fala é essa???). Além disso, ouvia frases homofóbicas e preconceituosas de minha gestora e não me sentia confortável em ser quem eu era. Mesmo abatida com tudo aquilo, reuni forças e decidi mergulhar de cabeça no conhecimento. Estudei sobre machismo nas organizações, fortaleci minha inteligência emocional, aprofundei-me no empoderamento feminino e mergulhei nas questões relacionadas ao racismo. Tantos livros e textos ricos, será um prazer compartilhar num outro momento por aqui. Enfim, acabei percebendo que muitos desafios surgiam simplesmente pelo fato de ser mulher.


Apesar dos desafios, obstáculos e momentos passados, eu fortaleci minha determinação e isso me impulsionou a buscar um ambiente de trabalho mais inclusivo e igualitário.


E foi assim que em outubro de 2022, entrei para o time comercial da BDC. Quando cheguei, estava um pouco arisca, mas fui tão bem recebida que, no primeiro dia, vi que não era um sonho, mas muito melhor, era minha nova realidade. Aqui pude ser quem sou, compartilhar momentos da minha vida com meus colegas, como o casamento com minha esposa - até mesmo participei de um BDC Talks no Mês do Orgulho LGBTQIAPN+, com outros colegas de equipe da comunidade, para conversar, trocar experiências, expor a realidade e discutir melhorias e evoluções, e isso a convite da empresa, para uma palestra aberta, tanto para o público interno, quanto externo (saindo um pouquinho do assunto principal, preciso dizer que foi incrível e deixo aqui o link para quem se interessar em assistir <3). Como demonstrei, aqui tenho espaço para compartilhar ideias, agregar e crescer como profissional. Além disso, o trabalho remoto possibilitou o equilíbrio entre vida profissional e pessoal.


Recusando-me a aceitar as limitações que as pessoas tentavam impor só porque sou mulher: fui lá e fiz acontecer! Completei minha graduação, tirei minha habilitação e até arrisquei um intercâmbio para um país do outro lado do mundo, sem nem saber falar inglês direito e sem medo de me aventurar sozinha por aí.


Cada cidade que visitei foi uma nova história para contar, cheia de desafios, risadas e aprendizados. E olha só, tudo isso me deixou com um baita orgulho da mulher que sou hoje!


Então, para todas as mulheres aí do outro lado, ouçam bem: não deixem ninguém te dizer o que você pode ou não pode fazer. Vocês são incríveis e capazes de tudo o que quiserem! Se enxerguem ocupando espaços dos mais diferentes tipos, desde a política até a direção de um filme de ação, passando pelas artes marciais e até a mecânica. O mundo está esperando a sua chegada, viu?


E para construir esse futuro mais justo e igualitário, bora se unir, mulheres e homens, lado a lado. Juntos, podemos fazer a diferença nesta luta pela igualdade e por um mundo melhor e mais evoluído!



>> Quer fazer parte do time?

Confira as vagas disponíveis, siga nosso Instagram de carreiras e junte-se à nós!


200 visualizações2 comentários

Posts recentes

Ver tudo

2 Comments


neire.bandeira
Mar 15

Você é inspiradora. Parabéns pelo seu caminhar e reforça o quanto é importante o estudo, conhecimento e as vivências. Saber aproveitar as coisas boas que são oferecidas e se superar com as adversidades. Parabéns e felicidades. O mundo é para quem tem coragem.

Like

Rafael Bandeira
Rafael Bandeira
Mar 14

Que história de vida inspiradora, Shay! Parabéns pela forma forte de levar a vida e por nunca desistir dos seus objetivos. Você é inspiração.

Like
bottom of page