top of page
  • Foto do escritorThaís Biancatti

Dia Internacional da Mulher - uma luta que ultrapassa um século

No artigo desta semana, Thaís Biancatti, Analista de Marketing, nos conta um pouco mais sobre a origem do Dia Internacional da Mulher, como se deu a escolha da data, movimentos que foram importantes na história, até chegar aos dias de hoje. Boa leitura!



--------------------------------




Hoje, dia 8 de Março, não é apenas mais um dia, mas o dia que marca toda uma história de movimento, revolução e muita luta das mulheres em prol de seus direitos. Esse movimento teve sua semente plantada em 1908, quando 15 mil mulheres marcharam pelas ruas de Nova York exigindo cargas horárias de trabalho justas, salários dignos e direito ao voto. Um ano depois, o Partido Socialista da América declarou o Dia Nacional da Mulher.


No entanto, somente em 1910, na II Conferência Internacional de Mulheres Socialistas na Dinamarca, onde participaram cerca de 100 mulheres, de 17 países diferentes, é que houve um debate mais estruturado e que foi possível discutir quais eram as principais lutas das mulheres. Foi nesta conferência também que as ativistas decidiram por um Dia Internacional da Mulher, no entanto, a data exata não havia sido oficializada.


Outro fato que deu muita força e relevância ao movimento, foi o protesto dirigido pelas mulheres na Rússia, em 1917, durante a Primeira Guerra Mundial, em que exigiam alimento para os filhos e retorno de seus maridos da guerra, movimento que ficou conhecido como “Pão e Paz”. A data, 8 de março, foi quando o protesto começou. Na época, 23 de fevereiro, pelo calendário juliano, que era o utilizado pela Rússia. Este dia corresponde a 8 de março no calendário gregoriano, que é a data oficializada como Dia Internacional da Mulher.



Ao longo dos anos, vários países aderiram ao calendário o dia 8 de março como o Dia Internacional da Mulher, e com isso apoiaram o movimento e a luta de tantas mulheres, além de celebrarem em conjunto pelas vistorias e desafios enfrentados.


A ONU, por sua vez, oficializou a data 8 de março como o Dia Internacional da Mulher somente em 1975, e a partir daí todos os anos celebra com homenagens e eventos às mulheres.


O Dia Internacional da Mulher marca uma data de lembrança da nossa luta histórica por direitos iguais e ela não pode ser esquecida. É extremamente importante nos apoiarmos, deixarmos de lado a famosa “disputa feminina” e darmos as mãos para crescermos e termos cada vez mais voz na sociedade. Já tivemos avanços enormes durante a história - tanto sociais quanto políticos - mas a luta ainda está longe do fim. Devemos seguir lutando, sem esquecer, contudo, de comemorar nossas conquistas. Seguimos caminhando em direção a um futuro melhor para todas.



"O 8 de março é um dia para reflexão a respeito de toda a desigualdade e a violência que as mulheres sofrem no Brasil e no mundo. É um momento para combater o silenciamento que existe e que normaliza a desigualdade e as violências sofridas pelas mulheres, além de ser um momento para repensar atitudes e tentar construir uma sociedade sem desigualdade e preconceito de gênero." 8 de março – Dia Internacional da Mulher" – Brasil Escola


Por fim, deixo nomes de mulheres brasileiras que lutaram com muita garra para que hoje, todas nós, tenhamos vários dos direitos femininos conquistados. Pesquise mais e conheça as histórias fantásticas dessas mulheres!

  • Nísia Floresta

  • Bertha Lutz

  • Mietta Santiago

  • Celina Guimarães Viana

  • Carlota Pereira de Queirós

  • Patrícia Rehder Galvão, a Pagu

  • Laudelina de Campos Melo

  • Rose Marie Muraro


Feliz Dia das Mulheres a todas nós!



>> Quer fazer parte do time?

Confira as vagas disponíveis, siga nosso Instagram de carreiras e junte-se à nós!


72 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page