top of page
  • Foto do escritorAyrla Costa

BigDelasCorp - Ayrla Costa

No artigo desta semana, Ayrla Costa, Estagiária de Desenvolvimento, nos conta como iniciou sua vida profissional dentro da área de Tecnologia e o quanto o apoio de outras mulheres de sua vida foram importantes para que ela seguisse seus sonhos. Boa leitura!



--------------------------------




Olá! Sou a Ayrla, tenho 21 anos, sou estudante de Ciência da Computação e sou Bigger há 6 meses. Desde pequena, estive rodeada de mulheres fortes, que me incentivaram a estudar e me tornar cada vez melhor. Minha mãe e minha avó, em especial, sempre me disseram que “a educação é o caminho”, e foi com base nos ensinamentos delas que sempre vivi, e com elas compartilhei e comemorei cada uma das minhas conquistas.


Acredito que nunca estive parada, principalmente quando se trata de educação. Na escola, procurei não só tirar boas notas, mas também participei de olimpíadas acadêmicas e turmas de estudos avançados, fiz todos os cursos que estavam ao meu alcance, estagiei e com 17 anos entrei para a universidade. Só uma? Não. Duas. Resolvi cursar Ciência da Computação e Artes Visuais ao mesmo tempo (sim, cursos bem diferentes um do outro, mas que sempre adorei), tendo concluído este último no ano passado, pouco antes de entrar na BDC.


Na área de Tecnologia da Informação, somos poucas, e isso ficou claro para mim desde o início. Em 2019, quando ingressei na Universidade de Brasília, minha turma tinha 40 alunos e somente 3 destes eram mulheres. Mesmo assim, nos unimos, nos ajudamos e procuramos participar de projetos que incentivassem meninas a aprender programação. Com isso, qualquer obstáculo ou qualquer crítica ao lugar que ocupamos nunca foi suficiente para me fazer desistir.


Na BDC, encontrei um ambiente muito respeitoso, e esse é um dos vários motivos pelos quais me orgulho de estar aqui. Sempre tive grandes exemplos de mulheres em minha vida, admiráveis em tantos níveis, e ao ler os relatos das outras mulheres aqui no especial BigDelasCorp, posso dizer que encontrei ainda mais inspirações.


Pretendo continuar evoluindo e crescendo dentro dos dois cursos que escolhi e que amo. Hoje, como estagiária de desenvolvimento, me sinto extremamente feliz por ver que não somente eu, como várias outras mulheres também trabalham neste ramo aqui na BDC, e percebo que a empresa busca cada vez mais fomentar a ideia de que as mulheres são sim muito capazes de escolher tal profissão.


Quero continuar lutando pelos direitos das mulheres e por mais inclusão e respeito dentro e fora do âmbito profissional. Espero ver a sociedade evoluindo ao longo dos anos, assim como já evoluiu bastante de um passado bem recente.


Acredito que nós mulheres devemos nos unir sempre que possível para nos ajudar e apoiar, tanto nas carreiras que escolhermos, ou na decisão de ser ou não ser mãe, da forma com que queremos nos vestir, aonde queremos ir, etc. Apenas nós mesmas temos o direito de fazer nossas escolhas, que por sua vez precisam ser respeitadas por quem quer que seja. Não somos e nunca fomos menores do que os homens e espero que cada vez mais tenhamos equidade e saibamos que para construir um mundo melhor, é necessário que todos estejam em harmonia e trabalhando juntos.


“Que nada nos defina, que nada nos sujeite. Que a liberdade seja a nossa própria substância, já que viver é ser livre.” Simone de Beauvoir


Feliz Mês da Mulher para todas nós!




>> Quer fazer parte do time?

Confira as vagas disponíveis, siga nosso Instagram de carreiras e junte-se à nós!


61 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page